Celebridades

“Foi meu corpo quem pediu ajuda”, diz Bruna Marquezine sobre perda de peso

Dona da foto mais curtida do Carnaval 2018, estrela da Glamour de fevereiro, vilã da novela das sete e nome mais falado da Internet nos últimos tempos, Bruna Marquezine é icônica!

THIAGUINHO, cantor
Sério, vai… Em 2016, você me falou que ia cuidar mais do corpo em 2017. E cuidou! O que você fez?

A gente falou, não fui só eu que falei! E eu cuidei mesmo. Cuidei pelo trabalho, depois porque fiquei preocupada com a minha saúde. Sempre foquei na estética e tinha um discurso meio hipócrita, de “ah, o importante é a saúde”, mas me conscientizei mesmo nesse último ano. Comecei a ficar meio preocupada com umas questões de tireoide e rim. Não andava sendo muito legal com meu corpo. Tomei uns sustinhos, nada grave, mas comecei a me cuidar. E estou sentindo tanto prazer nisso! Primeiro, busquei um médico para cuidar da parte hormonal. Vocês, homens, não sofrem tanto com isso, mas nós, mulheres, sim. Então, fui botar tudo no lugar, ver o que estava precisando repor. Me dediquei muito mais à academia. Sempre tive muita preguiça. Ainda tenho, mas comecei a diversificar os treinos. Faço funcional, musculação e treino com eletroestimulação. E passei a me alimentar melhor mesmo. Foi meu corpo quem pediu ajuda.

Primeiramente (tem que ter primeiramente para responder o Johnny!), eu amo você e te admiro. Segundo, adoraria conversar horas com você sobre liberdade. Para mim, liberdade é uma conquista pessoal, individual. Está em não se levar muito a sério. Ser livre é poder estar só e se sentir completo. Não depender de nada nem de ninguém para ser. Nos meus momentos de solidão foi que eu mais me escutei. Acho que tem a ver com autoconhecimento – quanto mais você tem consciência de quem é, mais sabe qual o seu lugar no mundo. E, consequentemente, mais livre é para viver e fazer suas escolhas. Ser livre também está relacionado a não estar preso à opinião dos outros nem às suas próprias. Poder mudar de ideia, se transformar. Eu me senti muito mais livre quando comecei a dar menos ouvido para o que as pessoas tinham a dizer a meu respeito. Dessa forma, consegui me aproximar de quem realmente sou e me tornei mais leve. Liberdade é não se limitar nunca. Não se colocar em caixas.

Bruna Marquezine na Glamour de fevereiro (Foto: Cassia Tabatini / Arquivo Glamour)

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Nome *
E-mail *
Site
Comentário *

Para comentar através do Facebook é preciso estar logado. O comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Você pode ser denunciado ou até mesmo banido caso comente algo racista, incite o ódio gratuito ou poste spam.

Comente com o Facebook

Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.