Procon garante atendimento médico com assinatura de Termo de Compromisso

Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedInEmail this to someone

O Procon/MA, por meio de um Termo de Compromisso assinado com a UNIHOSP, garantiu atendimento médico básico gratuito durante as ações sociais que serão realizadas pelo órgão na Grande Ilha. O Instituto abriu mão das multas aplicadas a operadora de planos de saúde, revertendo em benefícios diretos para a população.
Serão mais de três mil atendimentos realizados, compreendendo os seguintes serviços: consultas com clínico geral; exames laboratoriais, sendo eles: Hemograma, EAS (Urina Tipo I), Glicemia de Jejum, Lipidograma, Triglicerídeos, Uréia, Creatinina e Parasitológico de Fezes.

Para o presidente do Procon/MA, Duarte Júnior, reverter multas em ações que viabilizam benefícios aos cidadãos é muito importante. “Ficamos satisfeitos em poder levar a todos os cidadãos, por meio de tão importante ferramenta como o TAC, uma iniciativa que garante ao cidadão que participa das nossas ações atendimento médico gratuito. Nós assinamos um termo que objetiva a melhoria na qualidade dos serviços prestados e são revertidos em benefícios diretos à população, disse.

Por meio dos Termos de Compromisso, o Procon/MA já viabilizou acordos como a da Estácio, em que a faculdade se comprometeu em realizar melhorias na instituição, do Franere/Gafisa, com a reforma do Terminal de Integração do Distrito Industrial. Outro acordo importante foi o celebrado com as operadoras de telefonia Claro, Vivo e TIM, em que foram disponibilizados pontos de internet gratuita no terminal de integração da Cohama, São Cristóvão e Terminal Rodoviário, respectivamente.

Além disso, foram instaladas mais de 100 torres de transmissão de tecnologia 3G e 4G em todas as regiões do Estado, para melhoria e expansão dos serviços de telefonia e internet.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Nome *
E-mail *
Site
Comentário *

Para comentar através do Facebook é preciso estar logado. O comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Você pode ser denunciado ou até mesmo banido caso comente algo racista, incite o ódio gratuito ou poste spam.

Comente com o Facebook

Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.