Após ano conturbado, Matheus Jesus projeta titularidade em 2018

Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedInEmail this to someone

O volante Matheus Jesus chegou ao Santos em julho deste ano, mas só foi estrear com a camisa alvinegra em setembro. Para 2018, o plano é atuar com mais frequência. O jogador de 20 anos, ciente da dura concorrência no elenco, espera receber mais oportunidades para brigar pela titularidade.

“Somos um grupo, estamos falando de jogadores como Renato e o Alison, que é um grande jogador e fez um bom campeonato. Tem que respeitar, continuar trabalhando e esperar minha oportunidade. Quando o Santos precisar de mim, eu vou estar pronto”, avisou Matheus Jesus, após a partida beneficente “Natal sem Fome”, promovida pelo ex-jogador Narciso, na noite desta terça-feira, na Vila Belmiro.

Apesar de terminar a temporada em alta, sendo titular em oito dos dez jogos que fez pelo Santos, Matheus Jesus passou por dificuldades em 2017. Com problemas de comportamento na Ponte Preta, ele chegou a ter o nome ventilado no São Paulo, mas acabou sendo adquirido pelo português Estoril, que por sua vez o emprestou ao Peixe até dezembro do ano que vem.

“O começo do ano foi difícil pela saída conturbada da Ponte Preta, mas cheguei no Santos e a torcida me abraçou. Demorei um pouco para estrear, mas quando estreei graças a Deus fui bem e ajudei o Santos quando precisou de mim. Espero que ano que vem eu possa manter esse rendimento”, analisou.

Indagado se a equipe precisa de reforços para a próxima temporada, Matheus Jesus deixou a questão nas mãos da diretoria, preferindo focar na conquista de títulos. Em 2017, o Santos passou em branco, algo que não ocorria desde 2014.

“Contratações eu deixo mais para a diretoria, acho que temos um elenco muito bom, infelizmente não deu nada certo, futebol é assim. Mas ano que vem espero que seja tudo diferente”, projetou.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Nome *
E-mail *
Site
Comentário *

Para comentar através do Facebook é preciso estar logado. O comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Você pode ser denunciado ou até mesmo banido caso comente algo racista, incite o ódio gratuito ou poste spam.

Comente com o Facebook

Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.